Valores

Difundir o conhecimento sobre as raízes históricas genuínas a cerca da formação da cultura brasileira e suas influências – indígena, africana e europeia – , é perceber as estratégias de formações ritualísticas que prevalecem na cultura nacional, perante a supremacia da colonização europeia, resguardando a identidade na mistura de raças e manifestações culturais no território brasileiro.
É desta diversidade que nasce o Encontros, pretendendo unir o máximo de grupos e indivíduos envolvidos com a cultura do Maracatu de Baque Virado, do Brasil e do mundo. Tendo a pluralidade como foco de ação, tão logo, a realização deste projeto não cede espaço a nenhum sentimento racista, preconceituoso ou discriminador.
O tambor muitas vezes ‘exotizado’ pela cultura de massa, além de falar alto, chama a atenção para aquilo que está se manifestando, seja por motivos festivos, ritualísticos ou políticos. É um instrumento de resistência que traz a energia das lutas vividas pelos escravos, também atualmente utilizado por indivíduos nas lutas culturais contemporâneas experienciadas em nossa sociedade.
Entende por fim, a relação entre a cultura e expressão dos maracatus afro-descendentes, fruto da ação de homens e mulheres, tal como, fruto e perpetuação de uma construção histórica. Mitologias, evocações litúrgicas, práticas, crenças, calungas, estandartes, sombrinhas, coroas e cetros são elementos que compõem o universo maracatuzeiro incansavelmente refeito a cada passo-encontro-despedida da nossa História.

2 respostas a Valores

  1. Muito interessante a proposta. Como participar?

    • diegorojas disse:

      Olá Giovanna,

      Desculpe a demora na resposta! Mas por favor acompanhe o site, em breve abriremos as inscrições. Para os grupos que responderam a pesquisa, que é o caso de vcs, irão em breve receber nos emails cadastrados informações! Obrigado!

Deixe uma resposta para diegorojas Cancelar resposta